Sejam bem-vindos ao Mandy Moore Brasil, a sua fonte de informações sobre a atriz Mandy Moore, mais conhecida por dar a vida às personagens Jamie Sullivan em Um Amor Para Recordar e Rebecca Pearson em This Is Us, no Brasil! Aqui você encontrará todas as notícias, desde aparições, novos projetos, cada detalhe dos seus trabalhos, entrevistas e muito mais. Esperamos que goste de nosso trabalho e volte sempre!
autor: laura

A conexão do Grande Trio. A morte de Jack. Rebecca e Miguel. Nicky. Ela. O futuro. This Is Us tem uma longa história de puxar o tapete debaixo dos seus fãs enquanto conta uma história convincente sobre a família Pearson – e a quarta temporada não será diferente.

Nos novos pôsteres da quarta temporada, que o E! News está exclusivamente revelando, o drama da NBC tem um aviso e uma promessa para os telespectadores: “Se você acha que sabe o que está por vir… você não nos conhece“. Os novos pôsteres possuem Jack (Milo Ventimiglia) e Rebecca (Mandy Moore) na cama juntos, Kate (Chrissy Metz) e Toby (Chris Sullivan) cuidando do novo bebê Jack, Kevin (Justin Hartley) todo sorridente e Randall (Sterling K. Brown) e Beth (Susan Kelechi Watson) unidos.

Sendo assim, espere uma quarta temporada que irá abordar mais sobre Rebecca e Miguel (Jon Huertas), verá Randall e Beth começando na Filadélfia e apresentará uma nova personagem interpretada por Jennifer Morrison, de Once Upon a Time.

collide_0240.jpg collide_0667.jpg collide_0830.jpg collide_1340.jpg

INÍCIO > TELEVISÃO | TV SERIES > ATRIZ | ACTRESS > THIS IS US (2016-) > QUARTA TEMPORADA > PÔSTERES & KEY-ART

autor: laura

A música ‘Candy‘ pode fazer Mandy querer se esconder quando a escuta (se perguntando o que é “sentir falta de alguém como doce“), mas foi um grande sucesso no final dos anos 90 e representa o início da jornada que levou ela ao incrível momento que está agora: indicada ao Emmy por This Is Us e com um novo álbum a caminho após mais de 10 anos desde ‘Amanda Leigh‘. Por isso, em comemoração aos 20 anos desde a estreia da canção, decidimos relembrá-la em um especial aqui no site! Confira:

  • INFORMAÇÕES GERAIS

Candy” é uma canção da cantora pop americana Mandy Moore. Ela serviu como single de estreia e segunda faixa de Moore em seu primeiro álbum de estúdio de 1999, So Real. Escrita e composta por Denise Rich, Dave Katz e Denny Kleiman e produzida por Jive Jones, Tony Battaglia, Shaun Fisher, “Candy” foi lançada em 17 de agosto de 1999 pela Epic Records.

O videoclipe, dirigido por Chris Robinson, teve uma participação especial do girl group PYT.

A música foi incluída no lançamento asiático da compilação da MTV, Fantastic Females Vol. 2, no início dos anos 2000.

  • COMPOSIÇÃO

“Candy” é uma música pop e dance pop que dura 3 minutos e 54 segundos. A música é composta na tonalidade de D harmônico menor e é definida no tempo de 4/4 do tempo comum com um tempo moderado de 100,5 batidas por minuto. A melodia e o tom da música tem uma semelhança marcante com a música de 1996 “Do You Know“, que foi escrita e composta por Max Martin e Denniz Pop e gravada, escrita e lançada pela popstar sueca Robyn.

Confira a letra e a tradução clicando aqui!

  • VIDEOCLIPE

O videoclipe para promover o single e o álbum foi dirigido por Chris Robinson. Lançado em julho de 1999, o vídeo começa com cenas de um bairro típico, com a câmera chegando ao quarto de Mandy Moore. Depois que suas amigas a chamam do lado de fora da janela do seu quarto, o grupo viaja, em um fusca verde, para um restaurante chamado Cadillac Jack’s. Ao longo do caminho, Mandy olha para um garoto de skate. O final do videoclipe mostra Moore e as suas dançarinas em uma piscina vazia, cercada por skatistas. O vídeo inclui uma aparição do grupo pop feminino P.Y.T.

  • PERFORMANCES AO VIVO

Moore promoveu a música ao vivo durante vários programas de TV ao longo de 1999 e 2000. Ela cantou a música ao vivo no TRL da MTV, Top of the Pops e Rosie O’Donnell Show, bem como enquanto ela participava da série All That. Ela também tocou ao vivo durante o Summer Music Mania 2000 (Wade Robson Remix, presente em seu segundo álbum) e em seu primeiro show com a marca Mandy Moore Live @ Shoutback.

No entanto, embora Moore tenha dito, no TRL, por exemplo, que ela sente que as músicas no So Real são “muito ruins”, ela ainda ocasionalmente executa essa música em concerto para os fãs. As performances mais recentes de Moore, no entanto, refletem uma versão atualizada de “Candy”, que é infundida com elementos de rock e blues, em vez de ser pop chiclete direto.

  • RECEPÇÃO DA CRÍTICA E PERFORMANCE

As reviews de “Candy” entre os críticos de música foram geralmente misturadas. “Candy” se apresentou apenas moderadamente bem na Billboard Hot 100, chegando ao topo das 40 melhores, na 41ª posição da semana de 30 de outubro de 1999. Ela entrou na parada #88 e atingiu o seu auge em sua oitava semana no gráfico. Apesar disso, a música é o single mais bem-sucedido já gravado por Moore, pelo menos internacionalmente. Ele recebeu mais sucesso no exterior, alcançando o sexto lugar no Reino Unido e o segundo lugar na Austrália. Seu videoclipe foi quase retirado da TRL; passou 61 dias na contagem regressiva. Desde então, o limite de execução de vídeos foi reduzido de 65 para 50 a 40 dias. Em meados de novembro de 2012, “Candy” vendeu 753.000 cópias físicas e 198.000 downloads digitais pagos de acordo com a Nielsen Soundscan.

Agora é só esperar para ver se Mandy irá comemorar essa data especial de alguma forma! Enquanto novas músicas não chegam, não deixe de curtir Candy e outros hits da carreira da Mandy em seu canal no Youtube!

autor: laura

A terceira temporada do drama familiar da NBC viu Mandy Moore olhando para o futuro.

Depois de duas temporadas que fizeram os espectadores se concentrarem em como o amado patriarca da série Jack Pearson (Milo Ventimiglia) morreu, o drama introduziu um novo mistério em sua terceira temporada: “Quem é ela?” O mistério foi introduzido no final da segunda temporada, em que o futuro Randall (Sterling K. Brown) diz agora a filha adulta Tess (Iantha Richardson), “é hora de ir vê-la“, ao que ela responde: “Eu não estou pronta.” No final da terceira temporada, os telespectadores aprendem que “ela” é uma doente e octogenária Rebecca Pearson (Moore), a matriarca da família.

Fico feliz que não tenha sido um segredo ou um enredo revelado que foi arrastado por temporada após temporada“, disse Moore ao visitar o estúdio de vídeo do Los Angeles Times. “Na moda típica de ‘This Is Us’, a série continua deixando a porta aberta com mais perguntas em uma direção diferente da que você pode estar considerando. Eu amo que possamos ter descoberto Rebecca neste momento em sua vida. [Mas] onde está a Kate? Por que Nicky está ao lado de sua cama em vez do segundo marido, Miguel?

Já acostumada com o processo de envelhecimento quando interpreta a atual Rebecca, que está com quase 60 anos, Moore descreveu a preparação para a octogenária Rebecca como emocional.

Mesmo que não tenhamos pistas reais de como são os momentos finais dela?“, Moore diz, “obviamente você pode dizer que há alguma fragilidade lá. Muita fragilidade… foi de partir o coração.

Com todos os vislumbres do futuro como Rebecca, Moore diz que envelhecer e pensar no futuro não são realidades da vida que a assustam.

Eu realmente aceito isso e aguardo com expectativa“, diz ela. “Eu não iria, por qualquer quantia de dinheiro, voltar aos meus 20 anos. Eu não sabia quem eu era. Eu estava me debatendo. Eu amo ela. Eu amo essa iteração mais jovem de Mandy. Ela é o que me trouxe a este lugar agora.

Moore também revela algumas pistas sobre a próxima temporada de “This Is Us“, que estreia em 24 de setembro, sugerindo que “vai enlouquecer as pessoas“. A conversa completa pode ser encontrada abaixo.

collide_0240.jpg collide_0667.jpg collide_0830.jpg collide_1340.jpg

INÍCIO > ENSAIOS FOTOGRÁFICOS | PHOTOSHOOTS > 2019 > LOS ANGELES TIMES [AGOSTO]

autor: laura

This Is Us“, da NBC, está entre os concorrentes do Emmy Awards que acontecerá no mês que vem, acumulando nove indicações.

Ao longo de quatro temporadas, a série conta a emocionante história de uma família americana – os Pearsons – através do presente, passado e futuro, levando os espectadores a uma jornada através de diferentes períodos de tempo.

Mandy Moore, que interpreta Rebecca, uma mãe exausta de três que se transforma em uma sábia avó, está indicada em Melhor Atriz em Série Dramática – a sua primeira indicação ao Emmy.

Quero dizer, é incompreensível“, diz ela.

Milo Ventimiglia, que interpreta Jack, pai dedicado e marido romântico, interrompe.

Hoje em dia, é o que eu mais gosto de dizer, ‘Indicada ao Emmy, Mandy Moore’,” disse ele. O próprio Ventimiglia está indicado em Melhor Ator em Série Dramática.

This Is Us” ganhou fama e conquistou muitos telespectadores porque as lutas dos Pearsons têm uma “notável semelhança com muitas famílias“, diz Ventimiglia.

Os fãs sentem que podem se relacionar com a família, um grupo de personagens com todos lutando com dificuldades pessoais, como identidade, ansiedade, obesidade ou alcoolismo.

É sobre a vida. O mais alto dos máximos [e] o mais baixo dos mínimos”, diz Moore. “Tivemos essa audiência conosco desde o primeiro episódio e eles nos permitiram fazer essa jornada.

DESTAQUES DA ENTREVISTA

  • Sobre como Ventimiglia recorreu ao seu próprio pai para o seu papel como Jack

Ventimiglia: “Quero dizer, primeiro de tudo, meu pai, Peter Ventimiglia, é apenas um dos maiores caras do planeta.

Moore: “Eu posso atestar isso.

Ventimiglia: “Mandy e eu falamos sobre Don Moore, o seu pai. Eu sinto que estou meio que fazendo um para todos os bons pais por aí. Mas eu tive o maior exemplo de como os pais deveriam ser e as lições que precisamos aprender com nossos pais [e] de bons homens. Meu pai é um veterano do Vietnã, e ele tinha minhas irmãs e eu aos 30 anos, e crescemos na mesma época que o Grande Trio [as crianças de Rebecca e Jack]. Eu sempre olhei para o meu pai e agora eu consigo olhar para trás como meu pai no show, interpretando o Jack.

  • Sobre os diferentes períodos de tempo que eles interpretam ao longo da série

Moore: “Eu acho que interpretei Rebecca dos 16 aos 85 anos no ano passado. Então, há algumas próteses envolvidas porque tenho 35 anos. Mas também tenho que dizer que, neste momento após três temporadas, é como escorregar em um velho par de sapatos confortáveis ​​quando eu interpreto Rebecca nos dias de hoje e ela tem 68 ou 69 anos.

  • Sobre o quanto eles sabiam, no começo da primeira temporada, o que estava por vir na quarta temporada

Moore: “Quero dizer, nós sabemos teoricamente como o show termina. Agora, os roteiristas e Dan Fogelman, que criou a nossa série, têm que trabalhar de uma forma ou de outra. Muitos desses fatores são necessários para nós, atores, e precisamos ter o máximo de respostas para as nossas perguntas conforme eles podem nos dar neste momento.

  • Sobre saber o que virá como ator – mas não deixar escapar

Ventimiglia: “Você não pode mostrar que [algo ruim pode acontecer], mas o que Jack tem – e eu sei que sinto o mesmo – é um entendimento de que em algum momento a vida vai acabar. Você simplesmente não se concentra nisso. Você se concentra na vida que está acontecendo imediatamente. E para Jack, é a esposa dele e, para Jack, são os filhos dele. Então, o conhecimento de que algo vai acontecer em algum momento e ele vai nos deixar, você não está…

Moore: “Você não tem que fatorar isso necessariamente.

Ventimiglia: “Você não faz. E também quero dizer que Mandy e eu, principalmente pelo o que fazemos, estamos no passado. Estas são memórias, pedras de toque ao longo do caminho que o Grande Trio atual está experimentando.

Moore: “Eles informam os nossos atores adultos mais do que eles necessariamente informam as nossas histórias.

  • Sobre o feedback que recebem dos fãs da série

Moore: “Eu sinto que nos tornamos terapeutas de fato para as pessoas nas ruas em todas as esferas da vida. As pessoas são tão amáveis ​​e querem vir até nós e nos contar sobre a sua própria vida ou sobre com o que elas se relacionam com o programa e sobre quais personagens elas amam e por quê.

Ventimiglia: “Ou, ‘Por que você não estava [no episódio]? Eu precisava da minha sessão de terapia.‘”

  • Sobre o sucesso de Moore em 1999, “Candy”

Moore: “Eu acabei de me arrastar para debaixo da mesa, FYI. Isso foi há 20 anos atrás. Eu era um bebê!

  • Sobre interpretar uma figura paterna

Ventimiglia: “Eu tento. Quero dizer, com tudo o que acontece no mundo, acho que precisamos do super-herói possível. Eu acho que não precisamos ter os caras que estão em capas com poderes sobre-humanos para serem vistos apenas. Acho que precisamos dos caras que parecem os nossos vizinhos, parecidos com os nossos pais, parecidos com os nossos irmãos e os nossos filhos. Precisamos de bons rapazes para se levantar. Você tem que se esforçar para ser uma boa pessoa, um ser humano, primeiro.

  • Sobre o que eles dizem para aqueles que pensam que o show é muito emocional

Ventimiglia: “É incrível. Uma coisa que Dan Fogelman sempre disse é que ele não tem medo de ser sentimental e que não podemos ser cabeça e sem coração, assim como não podemos ser de todo coração e sem cabeça. E eu acho que o que temos nesse show são muitos seres humanos sinceros que são altamente intelectuais, mas eles também estão se permitindo sentir e tentar se relacionar com os seus entes queridos porque você nunca sabe, como Jack, quando você está indo ao encontro do seu fim. Então, espero que você possa ter uma vida boa e uma vida que os seus entes queridos vão lembrar e falar positivamente quando você sair.

Fonte I Traduzido e Adaptado por: Laura I Equipe do MMBR

autor: laura

This Is Us retorna no próximo mês com uma viagem para o início dos anos 70 para aprender mais sobre um par de Pearsons – especificamente, o casal que começou os Pearsons.

A estreia da 4ª temporada do drama familiar demonstrativo da NBC explora o namoro inicial entre Rebecca (Mandy Moore) e Jack (Milo Ventimiglia), que recentemente retornou do combate no Vietnã. Como você pode ver, Jack precisará se adequar e conhecer os pais de sua nova namorada. “Haverá algumas dinâmicas familiares que entram na equação do meu lado, tendo que lidar com os meus pais e os seus pensamentos sobre ele“, diz Moore à EW. Ventimiglia sugere um homem em transição dos traumas da guerra. “Estou curioso para ver como o Jack empacota tudo e coloca as coisas para fora“, diz ele, “e acho que vai ser um processo“.

Enquanto isso, nos dias atuais, o Grande Trio está desfazendo as caixas e se ajustando às suas novas vidas. “Reinicia para todo mundo“, diz o criador Dan Fogelman, que recentemente disse à EW que a 4ª temporada será “muito ambiciosa e abrangente em termos de como joga com o tempo“. Toby (Chris Sullivan) e Kate (Chrissy Metz) constroem a sua nova vida em uma nova casa com o bebê recém-saído da UCI. Recém-sóbrio e realocado para L.A., Kevin (Justin Hartley) começa a trabalhar em um novo filme. (“É uma grande oportunidade“, sugere Hartley, e os espectadores terão um vislumbre disso no segundo episódio). Randall (Sterling K. Brown) e Beth (Susan Kelechi Watson) se reconectam depois de se mudarem para a Filadélfia, onde você os verá para comemorar o aniversário de Randall. O aniversário do Grande Trio pode ser uma tradição de estreia da temporada, mas este episódio tem como objetivo surpreender de outras maneiras. “Subversiva” é a palavra que Brown usa para descrever a estreia. “É muito legal“, ele insinua, “e isso amplia o nosso mundo de alguma forma“. Parece que o maior drama da TV pretende se tornar ainda maior.

Confira a foto divulgada abaixo para obter a sua primeira espiada oficial na quarta temporada. This Is Us, que foi indicada para nove Emmys, encerra o seu hiato de seis meses em 24 de setembro,

collide_0240.jpg collide_0667.jpg collide_0830.jpg collide_1340.jpg

INÍCIO > TELEVISÃO | TV SERIES > ATRIZ | ACTRESS > THIS IS US (2016-) > QUARTA TEMPORADA > STILLS > 4X01 – TBA