Sejam bem-vindos ao Mandy Moore Brasil, a sua fonte de informações sobre a atriz Mandy Moore, mais conhecida por dar a vida às personagens Jamie Sullivan em Um Amor Para Recordar e Rebecca Pearson em This Is Us, no Brasil! Aqui você encontrará todas as notícias, desde aparições, novos projetos, cada detalhe dos seus trabalhos, entrevistas e muito mais. Esperamos que goste de nosso trabalho e volte sempre!
autor: laura

A terceira temporada do drama familiar da NBC viu Mandy Moore olhando para o futuro.

Depois de duas temporadas que fizeram os espectadores se concentrarem em como o amado patriarca da série Jack Pearson (Milo Ventimiglia) morreu, o drama introduziu um novo mistério em sua terceira temporada: “Quem é ela?” O mistério foi introduzido no final da segunda temporada, em que o futuro Randall (Sterling K. Brown) diz agora a filha adulta Tess (Iantha Richardson), “é hora de ir vê-la“, ao que ela responde: “Eu não estou pronta.” No final da terceira temporada, os telespectadores aprendem que “ela” é uma doente e octogenária Rebecca Pearson (Moore), a matriarca da família.

Fico feliz que não tenha sido um segredo ou um enredo revelado que foi arrastado por temporada após temporada“, disse Moore ao visitar o estúdio de vídeo do Los Angeles Times. “Na moda típica de ‘This Is Us’, a série continua deixando a porta aberta com mais perguntas em uma direção diferente da que você pode estar considerando. Eu amo que possamos ter descoberto Rebecca neste momento em sua vida. [Mas] onde está a Kate? Por que Nicky está ao lado de sua cama em vez do segundo marido, Miguel?

Já acostumada com o processo de envelhecimento quando interpreta a atual Rebecca, que está com quase 60 anos, Moore descreveu a preparação para a octogenária Rebecca como emocional.

Mesmo que não tenhamos pistas reais de como são os momentos finais dela?“, Moore diz, “obviamente você pode dizer que há alguma fragilidade lá. Muita fragilidade… foi de partir o coração.

Com todos os vislumbres do futuro como Rebecca, Moore diz que envelhecer e pensar no futuro não são realidades da vida que a assustam.

Eu realmente aceito isso e aguardo com expectativa“, diz ela. “Eu não iria, por qualquer quantia de dinheiro, voltar aos meus 20 anos. Eu não sabia quem eu era. Eu estava me debatendo. Eu amo ela. Eu amo essa iteração mais jovem de Mandy. Ela é o que me trouxe a este lugar agora.

Moore também revela algumas pistas sobre a próxima temporada de “This Is Us“, que estreia em 24 de setembro, sugerindo que “vai enlouquecer as pessoas“. A conversa completa pode ser encontrada abaixo.

collide_0240.jpg collide_0667.jpg collide_0830.jpg collide_1340.jpg

INÍCIO > ENSAIOS FOTOGRÁFICOS | PHOTOSHOOTS > 2019 > LOS ANGELES TIMES [AGOSTO]

autor: laura

Assim como Rebecca Pearson – a matriarca que ela interpreta em “This Is Us”, da NBC – Mandy Moore nem sempre tem o seu merecido mérito. Mas depois de três temporadas estrelando o altamente cotado drama de Dan Fogelman, a atriz finalmente recebeu a sua primeira indicação ao Emmy.

E enquanto Moore vai dizer que o seu palpite é tão bom quanto o dela sobre o porquê dela ter sido capaz de conquistar os eleitores nesta temporada, enquanto que suas co-estrelas Milo Ventimiglia e Sterling K. Brown foram indicados repetidas vezes, uma razão tem que ser o fato de que ela interpretou Rebecca durante mais décadas do que nunca, e assumiu o papel de “viúva de luto” após a morte de seu marido na tela, Jack (Ventimiglia).

É muito“, disse Moore. “Eu sou uma espécie de personagem no show que está pulando no tempo. Eu interpretei as idades de 16 e 85 anos em apenas uma temporada, e todas as outras idades no meio. Acho que grande parte da história se concentrou nas consequências imediatas do falecimento de Jack e esta viúva de luto tentando pegar as peças de sua vida e descobrir como ser mãe solteira quando ela se apoiava tanto no super-herói que era o seu marido. E as crianças estão se formando e a vida está em fluxo de muitas maneiras. Então isso foi um fardo pesado para carregar.

Mas interpretar Rebecca por volta de 2019 não foi muito fácil. “Nos dias de hoje, tenho um filho que recaiu, tenho outra filha que está tendo uma gravidez de alto risco, tenho outro filho que está concorrendo a um conselho municipal em uma cidade diferente e a sua família está em fluxo. Esta última temporada manteve Rebecca na ponta dos pés, isso é certo, em todos os sentidos. Mas eu não esperaria nada menos do show. É o maior desafio da minha vida profissional, e aproveito todos os dias no trabalho.

Um elemento que ela preza, em particular, é o seu vínculo com a co-estrela Ventimiglia, que eles cultivaram ao longo das temporadas ao interpretar o casal no centro dessa saga familiar. “É tão fácil e transparente com ele, e tem sido desde o primeiro dia“, disse Moore. “Eu sabia desde o início que estávamos juntos, e é como se tivéssemos a nossa própria linguagem não falada – nós apenas nos olhamos neste momento“.

Assista à entrevista do TheWrap com Moore abaixo:

collide_0240.jpg collide_0667.jpg collide_0830.jpg 

INÍCIO > ENSAIOS FOTOGRÁFICOS | PHOTOSHOOTS > 2019 > THE WRAP [AGOSTO]

collide_0240.jpg collide_0667.jpg collide_0830.jpg 

INÍCIO > CAPTURAS DE TELA | SCREEN CAPTURES > 2019 > ENTREVISTA AO THEWRAP [AGOSTO]

autor: laura

Ontem pela manhã, Mandy compareceu a um evento temático de This Is Us, chamado ‘Pancakes with the Pearsons‘, em comemoração às indicações da série ao Emmy! No evento, além de entrevistas durante o tapete vermelho, o elenco realizou sessões de Q&A entre eles, enquanto que o público tomava o seu café da manhã. O conteúdo das conversas está sendo publicado em matérias por diversos sites que estavam presentes, por isso, já traduzimos algumas delas, veja aqui! Tudo ocorreu no 1 Hotel West Hollywood em West Hollywood, Califórnia. Confira as fotos na nossa galeria clicando nas miniaturas abaixo:

collide_0240.jpg collide_0667.jpg collide_0830.jpg 

INÍCIO > EVENTOS E APARIÇÕES > 2019 > [10.08] NBC’S THIS IS US ‘PANCAKES WITH THE PEARSONS’

autor: laura

É tão louco“, proclama Mandy Moore sobre ser indicada ao seu primeiro Emmy este ano. “Estou nesse ramo há 20 anos e isso não é algo que eu esperava, não é algo no qual eu estava trabalhando“, diz ela. Assista a nossa entrevista exclusiva em vídeo com Moore abaixo:

Em “This Is Us”, Moore interpreta a mãe Rebecca Pearson, a matriarca de uma família muito unida que ainda lida com a devastadora morte do marido e pai Jack (Milo Ventimiglia). Moore, sem dúvida, tem um dos papéis mais desafiadores no drama familiar, pois ela interpreta a personagem em diferentes períodos de sua vida; às vezes como uma jovem recém-casada e otimista, às vezes como uma viúva em dificuldades e mãe solteira, e às vezes como uma avó mais velha e sábia.

Eu sinto que o desafio específico que tenho em interpretar a Rebecca é ficar pulando através de cada década. Eu acho que na 3ª temporada eu interpretei ela com 16 anos, o que foi insano, até os 85 anos”, a atriz ri.

Perder um cônjuge, perder uma criança no parto, casar-se de novo, ter netos e ter filhos adultos, e todas as cores diferentes que acabaram de se infiltrar em sua vida”, explica ela, “estou pensando em sua fisicalidade, em seu corpo, onde as coisas talvez machucam, e onde ela carrega algumas de suas emoções e as coisas que a sobrecarregaram em sua vida”, diz Moore.

A terceira temporada permitiu que todos tivessem a percepção, principalmente de seus filhos adultos, de que a mãe realmente era e é a cola dessa família“, explica ela. “As mães geralmente são os heróis desconhecidos da família e não recebem todo o crédito que merecem“, diz Moore. “É o apelo do show. Rebecca não é uma anomalia; ela é todas as mães por aí. Não há nada de especial sobre ela necessariamente, mas é isso que a torna especial. Ela é tudo para a sua família e a sua família sempre vem em primeiro lugar.”

Moore foi indicada na categoria de Melhor Atriz Dramática ao lado de seis de seus colegas de elenco, incluindo o vencedor anterior Sterling K. Brown e o indicado anteriormente Ventimiglia em Melhor Ator Dramático, o companheiro de primeira viagem Chris Sullivan na categoria de apoio, o vencedor anteriormente Ron Cephas Jones, além do candidato pela primeira vez Michael Angarano e a veterana Phylicia Rashad nas categorias de convidados.

O fato de tantos do elenco terem sido nomeados (ou vencido) ao longo de suas três temporadas até hoje é a prova de que os seus colegas atores na Academia de TV realmente apreciam o trabalho que estão fazendo no programa. O elenco também ganhou o prêmio SAG de Melhor Elenco Dramático nos últimos dois anos. “É realmente um conjunto e, como atriz, você não tem escolha a não ser se dedicar, já que todos os atores com quem você está em cena estão aumentando o nível e você está se esforçando para tentar acompanhá-los“, declara ela. “Você nunca está dormindo ao volante com ‘This is Us’, nenhum de nós está. Nós temos que constantemente aparecer!

collide_0240.jpg collide_0667.jpg collide_0830.jpg 

INÍCIO > CAPTURAS DE TELA | SCREEN CAPTURES > 2019 > ENTREVISTA AO GOLDDERBY

Fonte I Traduzido e Adaptado por: Laura I Equipe do MMBR

autor: laura

Na data de ontem (03.08), o filme ‘O Diário da Princesa‘ completou 18 anos desde a sua estreia nos cinemas americanos. Se tratava do primeiro filme da jovem Mandy Moore, conhecida até então pela sua carreira musical. No longa, ela interpreta a patricinha Lana Thomas, rendendo muitas cenas cômicas e um cover de Stupid Cupid. Para celebrar o aniversário, o E! News, como parte do seu especial Rewind (rebobinar, em tradução literal), publicou um compilado de entrevistas exclusivas com o elenco realizadas na época de divulgação do filme. Confira-o abaixo, juntamente com a tradução das falas de Mandy e as capturas de tela do vídeo:

  • Não é um típico filme teen e eu penso que você realmente vai sair [do cinema] tendo aprendido algo. É inocente sem ter que exagerar como muitos filmes dos dias de hoje.
  • Eu tenho uma vida na qual eu não tenho muita oportunidade de curtir com as pessoas da minha idade, eu fico comigo mesma na estrada, eu sou a mais jovem e a única garota, então foi incrível fazer um filme com adolescentes da minha idade e, quando terminávamos as filmagens, assistir um filme ou jantar. Foi incrível. Foi uma das melhores coisas que tive do filme.
  • Foi incrível trabalhar com ele [Garry Marshall], ele estava constantemente tentando ter feedbacks de todos nós. Ele não tinha se aventurado e feito até então um filme teen, então ele tinha todos nós juntos tentando ter ideias nossas. Ele é incrível, você não poderia dizer coisas boas o bastante sobre Garry Marshall.

   

INÍCIO > CAPTURAS DE TELA | SCREEN CAPTURES > 2019 > “PRINCESS DIARIES” INTERVIEWS: REWIND | E! NEWS